Logo branco.png

BLOG

  • annakarina0

Azul Cargo Express atinge marca de mais de mil municípios atendidos nos 26 estados brasileiros


Pela primeira vez em sua história, a Azul Cargo Express alcançou, na primeira quinzena deste mês de julho, o número de 1.064 municípios atendidos por meio de remessas entregues em até 48h após a emissão dos pedidos. A marca, registrada em entregas realizadas para todos os estados do país além do Distrito Federal, reforça a capacidade logística da empresa que vence o desafio de lidar com as distâncias em um país de dimensões continentais como o Brasil. Até cidades do estado do Acre, que não contam com voos comerciais regulares da Azul mas recebem operações cargueiras da companhia, estão na lista do feito inédito.


Reestruturação eficiente e ágil para atender às altas demandas do mercado é um dos segredos para a marca de mil municípios atendidos com entregas rápidas. Além disso, a Azul Cargo Express conta com uma rede de mais de 260 lojas no Brasil e exterior, que oferece o serviço "porta a porta" para mais de 4.200 munícipios brasileiros, além de todo o território dos EUA e Portugal. A capilaridade da malha aérea da Azul, que beneficia a Azul Cargo Express, também contribui para a oferta de uma linha diversificada de serviços com prazos de entrega agressivos.


"O crescimento da Azul Cargo Express no mercado se deve tanto às respostas rápidas que demos ao crescimento das demandas surgidas durante a pandemia, sobretudo por meio de transações de e-commerce, quanto pela qualidade e os prazos de entrega agressivo que oferecemos. Além disso, a empresa tem como trunfos o grande alcance da malha aeroviária da Azul em todo o país, além de operarmos com 270 lojas terceirizadas pelo Brasil e no exterior, que se tornam ‘distribuidores locais’ comprometidos com a qualidade e os prazos dessas entregas", revela Izabel Reis, Diretora da Azul Cargo Express.


Os serviços oferecidos pela Azul Cargo Express compreendem encomendas críticas, distribuição B2C para e-commerce, encomendas com tarifas econômicas e carga paletizada no mercado global. Crédito da imagem: Freepik

0 visualização0 comentário