Logo branco.png

BLOG

  • annakarina0

DHL Supply Chain agiliza logística de peças de reposição para equipamentos agrícolas




O mercado agrícola não pode parar e um dos insumos chave são as peças de reposição para equipamentos. Para agilizar processos, a DHL Supply Chain, líder em armazenagem e distribuição, desenvolveu uma solução rápida que tornou mais eficiente a logística de entrega de peças de reposição AGCO Parts da AGCO, líder mundial em concepção, fabricação e distribuição de soluções agrícolas.


As expedições para pedidos urgentes são realizadas em até duas horas (viabilizando entregas em até 24h) e melhorias em termos de processos e sistemas elevaram o índice de acuracidade de estoque para 99,85%, o que reduz erros e atrasos.


A DHL Supply Chain gerencia o Centro de Distribuição da AGCO localizado em Jundiaí (SP) desde 2018, sendo responsável pelas áreas de armazenagem, expedição e packaging. O centro possui cerca de 34 mil m² de área total, por onde passam cerca de 1 milhão de itens por mês. As peças AGCO Parts de equipamentos como tratores, colheitadeiras, pulverizadoras, semeadoras e plantadoras são expedidas para mais de 590 distribuidores e concessionárias das marcas AGCO em todo o Brasil e alguns países da América Latina.


Para o Diretor de Operações da DHL Supply Chain, Adriano Medeiros, “o mercado agrícola é um dos mais resilientes a pandemia, mantendo e até expandindo em alguns casos sua produção e exportação. Nesse sentido, receber as peças de reposição rápido e com assertividade evita perdas na safra e cria um diferencial importante para nosso cliente em termos de prestação de serviços e qualidade”.


“Buscamos a DHL Supply Chain para nos auxiliar na melhora de nossa eficiência operacional. Esta parceria nos trouxe soluções inovadoras em nossas áreas de inbound, picking, storage, outbound, entre outras, pelo fato de sua larga experiência e conhecimento de toda a operação logística", afirma Marcelo Traldi, Vice-presidente do Pós-Venda América do Sul da AGCO.


O diretor da DHL Supply Chain ressalta que “esta operação começa com o processo de recebimento, conferência, passando a checagem de qualidade e packaging. Então as peças são armazenadas e passa-se ao gerenciamento do inventário, slotting, montagem de kits, picking e check-out das peças. Importante destacar que o armazém dispõe de 15 tipos de locações, em mais de 170 mil endereços. A gestão de todo este estoque é feita por um time de inventário experiente que, auxiliado pelas funcionalidades do sistema de gerenciamento de armazenagem (WMS), garantiu à operação chegar a uma acuracidade de estoque recorde.

2 visualizações0 comentário