Logo branco.png

BLOG

  • annakarina0

Expansão leva Grupo Carrefour-Atacadão a investir na remodelação da intralogística

No último ano, o Atacadão vem acelerando o processo de expansão pelo Brasil. Para manter as suas 240 lojas constantemente abastecidas investir na estrutura de intralogística se tornou fundamental. Assim, a gigante do setor supermercadista resolveu modernizar as salas de carregamento de baterias dos centros de distribuição com equipamentos inteligentes, compatíveis com diferentes modelos de empilhadeiras elétricas da sua frota e capazes de prover a carga com mais agilidade e eficiência energética.

A solução, desenvolvida pela divisão Perfect Charging da Fronius, especializada em tecnologia e soluções para carregadores de bateria, além de possibilitar o aumento da operação de carga e descarga promoveu uma redução nos gastos com energia elétrica. Dona de uma frota de mais de 1 mil empilhadeiras elétricas movidas com diferentes potências e tamanhos, a rede de varejo optou por carregadores de bateria da linha Selectiva 4.0 da Fronius de 2kW e 8kW de chumbo-ácido.

Além da flexibilidade, Marco Tarantino, gerente de manutenção do Atacadão, aponta outras vantagens verificadas ao longo de um ano de uso dos carregadores da Fronius. "Os carregadores Selectiva permitem cargas mais rápidas e, com isso, temos máquinas trabalhando por mais tempo".

Mais eficiência energética Segundo Tarantino, diferentemente de outros modelos disponíveis no mercado, os carregadores de bateria da marca têm aquecimento mínimo durante os primeiros minutos de carregamento, o que ajudou a aumentar a vida útil das baterias em torno de um ano, reduzir sua manutenção e gerar uma economia de 25% de energia elétrica. Mariana Kroker, gerente comercial da divisão Perfect Charging da Fronius, explica que esses diferenciais se devem à tecnologia exclusiva de carregamento Ri, sistema de resistência interna efetiva, que verifica o nível de carga da bateria e, a partir da avaliação, faz o carregamento adequado fornecendo a quantidade corrente elétrica que realmente precisa. "Isso reduz significativamente o consumo de energia e a emissão de CO2 na intralogística", diz.

O projeto do Carrefour-Atacadão também foi idealizado para otimizar espaços e, com isso, aumentar a eficiência energética. "Como o carregador é muito menor, conseguimos ampliar a capacidade das salas de bateria e atender dois turnos de operação", afirma Tarantino.

0 visualização0 comentário