Logo branco.png

BLOG

  • annakarina0

Movimentação do Tiplam cresce 16% em 2020



A VLI, empresa que administra o Terminal Integrador Portuário Luiz Antonio Mesquita (Tiplam), na Baixada Santista, movimentou, em 2020, 12,6 milhões de toneladas entre grãos, açúcar e fertilizantes. Esse volume é 16,3% maior do que as 10,9 milhões de toneladas movimentadas no terminal em 2019 e 31,4% maior do que os 9,6 milhões movimentados em 2018.


O acumulado de produtos do agronegócio exportados pelo terminal, como soja, milho e açúcar, supera 8 milhões de toneladas, ou seja, representa mais de 63,5% do total das 12,6 milhões de toneladas de 2020.


O aumento no volume transportado pela empresa no Tiplam em 2020 é puxado pela alta de 26,7% na movimentação de soja (2,5 milhões de toneladas, ante 2,0 milhões em 2019); e açúcar, produto que teve alta no volume transportado de 29,9% no período (3,9 milhões de toneladas ante 3,0 milhões em 2019).


No Tiplam, a integração com o modal ferroviário e a chegada de 100% da carga exportada pelos trilhos tornam o processo de escoamento de produtos mais ágil e permite, por dia, o recebimento médio de três composições – cada uma com 80 vagões.


Referência para o agro

Os números do ano passado reforçam a importância dos ativos para o escoamento de açúcar e grãos produzidos no país. No setor de açúcar, a VLI já é responsável por movimentar 25% da commodity exportada por Santos – posição de liderança no segmento ferroviário.


No ano passado, a companhia e a Tereos inauguraram dois armazéns de açúcar construídos no Tiplam e no terminal Guará, interior de São Paulo, frutos da parceria estabelecida pelas empresas, que supera R$ 200 milhões investidos em conjunto. Com capacidade para 240 mil toneladas, os dois armazéns foram essenciais para apoiar o aumento nas exportações de açúcar bruto da Tereos, estimado em 60% para esta safra.

Crédito da imagem: Divulgação!


0 visualização0 comentário